10 julho 2017

ELIANE FETZER APRESENTA ESPETÁCULOS INÉDITOS NO DIA 12, EM CURITIBA


Evento “Conexão” apresenta a dança contemporânea e o jazz, conferindo versatilidade da coreógrafa e suas companhias

Na próxima quarta-feira, 12, o Guairinha recebe dois espetáculos inéditos da coreógrafa gaúcha Eliane Fetzer, dentro do evento “Conexão”. O nome do evento justifica o trânsito livre de Eliane Fetzer por duas áreas distintas da dança: o contemporâneo o e jazz, que neste espetáculo fazem uma composição. Pesquisadora de dança contemporânea e consagrada pelo jazz, Eliane apresenta duas coreografias que mesclam poder e empoderamento feminino, temas em voga e que devem ser discutidos pela arte. Imperare e Dois Olhares possuem, no entanto, uma característica em comum: força, criação de vínculos e fluidez dos movimentos, marcas da obra de Fetzer, que ano passado comemorou 25 anos de carreira.

Imperare é um drama, inspirado no século XVIII, contado pela dança contemporânea. “Na decorrência de tanta soberania, dava-se lugar para a intolerância, que é o ponto principal da obra. Entre olhares, dúvidas e personagens dissimulados, que operam o poder em torno de um rei de decadência, formam-se vínculos e o condicionamento do fim do reinado ao mesmo poder”, explica Fetzer. Neste espetáculo, o realce está na trama que entrelaça todos os personagens para que um perca o poder. Para contar essa história, Fetzer conta com sete bailarinos no elenco, três homens e quatro mulheres, com trilha sonora de Ezio Bosso e montagem de Bruno Gomes.

Já Dois Olhares é um espetáculo de jazz, que relata a mulher na época em que lutou pela igualdade. Traz mulheres fortes, submissas e sofridas, que alcançaram um espaço dentro do pensamento machista dos anos 1920. O tema está em voga hoje, sob o termo de empoderamento feminino. Para Eliane Fetzer, “esta obra é visual e cênica e traduz um elenco atuante que absorve um tempo em que se modifica o comportamento masculino e libera o feminismo”. Para chegar no tom desejado, Eliane apropria-se do Black Jazz em uma fusão necessária para retratar a transformação de uma época. Este espetáculo está na programação da Mostra Estímulo, a convite do Festival de Dança de Joinville.

SERVIÇO:
Espetáculo de dança contemporânea – Conexão – evento comemorativo de 25 anos de carreira de Eliane Fetzer
Coreografias: Imperare e Dois Olhares
Data: 12 de julho, quarta-feira
Horário: 20h30
Local: Auditório Salvador de Ferrante (Guairinha) – Rua XV de Novembro, 971- Centro - Curitiba (PR)
Informações: (41) 3076 7574 ou elianefetzer@yahoo.com.br
Ingressos a R$ 20,00 (inteira) na bilheteria do teatro ou Disk Ingresso – www.diskingressos.com.br

SINOPSE IMPERARE
A obra coreográfica IMPERARE é conduzida pelo processo de centralização do poder político com o surgimento das monarquias. Inspirado nesse período da historia, a trama é aborda através de um tom acusador, dissimulador e supressor, ora pela defesa de seus espaços em estranhos olhares e vontades, oras pelas conquistas em seus interesses, A construção coreográfica se apropria dessa fusão, caracterizada pelo requinte, grandiosidade, exagero, tal como se construía o sofrimento e luta pelo poder.
Elenco: Andressa Machado, Denian Israel, Erickson Oliveira, Jordana Basilio, Juan Silva, Laura Jung e Nalu Rocha
Coreografia: Eliane Fetzer
Assistente de Criação: Leonardo Vieira

SINOPSE DOIS OLHARES 
“Dois Olhares” ilustram um momento da historia e luta da mulher descobrindo seu verdadeiro valor na busca por direitos equiparados na sociedade. Uma inspiração nos anos 20 onde o romantismo rasgava as emoções e se firmava em uma nova forma da mulher se posicionar na sociedade. Absolutamente singular e envolvido por uma fina luz, a movimentação em jazz contemporâneo leva a criação a novas características e o espetáculo abrange corpos e gestos diferenciados.  Um refinamento acentuado pelos figurinos soma aos movimentos, sensibilidade e fragilidade e a força ganha maturidade expressiva construindo personagens e seus conflitos.

ELENCO: Alexandre Calerá, Amanda Fetzer, André Felipe, Francielle Miranda, Gabriela de Nardin, Isaac Lim, Jana Maria, Jeferson Renan, Julia Meirelles, Juliana Caillot, Juliano Ferreira, Mika Oliveira, Nádia Freitas, Paulo Meyer, Thaynna Viski, Thaís Mota e Thiago Fialkoski
Coreografia:  Eliane Fetzer
Direção de Palco: Ian Mikiewicz
Assistente de Produção: Juliano Peçanha
Ensaiador: Ian Mikiewicz e Eliane Fetzer

Ficha Técnica de CONEXÃO
Direção Geral: Eliane Fetzer
Criação e Produção de Trilha Sonora: Bruno Gomes
Criação de Luz: Edinho
Figurino: Fabio Cuellar
Fotografia: Juliano Peçanha
Maitre: Leandro Vieira
Produtor: Jorge Schneider
Realização: Eliane Fetzer Centro de Dança


Nenhum comentário: