16 dezembro 2016

Sandy diz que não entraria em uma competição contra Meena, sua personagem em “Sing”.


“NÃO SOU PÁREO PARA ELA, A MEENA CANTA MUITO”, REVELA
A CANTORA SOBRE A ELEFANTINHA QUE DUBLA NA ANIMAÇÃO

A Universal Pictures acaba de divulgar vídeo inédito de making of sobre o processo de dublagem da animação “Sing – Quem Canta Seus Males Espanta” (Sing), que conta com as vozes Sandy, Wanessa Camargo, Fiuk, Marcelo Serrado e Mariana Ximenes na versão brasileira.

Dedicado à personagem Meena, o vídeo apresenta depoimentos de Sandy sobre a personalidade da elefantinha tímida e com pavor de palco, além de imagens inéditas dos bastidores. “Todo o processo de gravação é sensacional, é divertidíssimo. Acho que teve uns momentos que eu posso destacar, quando a Meena se solta mais”, explica a cantora.  

Além de revelar que gostou de sua primeira experiência como dubladora, Sandy conta que não entraria em uma competição de canto contra a personagem. “Se eu soubesse que a Meena estaria em um concurso desse e que seria avaliado só o talento dela e não a perfomance [...] eu não ia querer estar do lado dela, não sou páreo pra ela, ela canta muito”, diz em tom de brincadeira.

Com 65 hits de artistas como Lady Gaga, Katy Perry, Frank Sinatra, Seal, Limp Bizkit, Taylor Swift e Nicki Minaj na trilha sonora, “Sing – Quem Canta Seus Males Espanta” (SING) é assinado pelos mesmos criadores de “Meu Malvado Favorito” e “Minions”. 

Dirigido por Garth Jennings e produzido por Chris Meledandri e Janet Healy, o filme conta a história do coala Buster Moon, que está prestes a ver seu teatro ir à falência e, por isso, decide criar um concurso musical com o intuito de alavancar as vendas. Entre os participantes do concurso estão um rato, uma elefanta com pânico de palco, uma mãe que cuida de uma ninhada de 25 leitões, um gorila gângster e um porco-espinho fêmea que curte punk-rock.


Nenhum comentário: