05 setembro 2014

Minha opinião Sobre o Filme "Hércules"




Hércules é um personagem que sempre aparece nas telas do cinema, e de qualquer forma que ele seja retratado é um deleite para os fãs de mitologia.

Só que dessa vez, o longa é baseado em uma minissérie em quadrinhos chamada “Hercules: The Thracian Wars” de 2008, que mostra o herói após ter realizado os famosos doze trabalhos.

Então, estamos diante de um Hércules mais humano, que apesar de muito forte, precisa de um grupo de guerreiros de confiança ao seu lado para dar cabo de todos os inimigos que são colocados à sua frente.

A história clássica está lá, contada a todo o momento por Iolau, sobrinho de Hércules, que pretende assim incutir o medo em seus inimigos e aumentar a fama de seu tio.

Mas, desta vez Hércules vive um momento triste de sua vida, e sobrevive com seus amigos como mercenários.

Desta vez quem encarna o personagem principal é Dwayne Johnson que parece ter nascido para isso, interpreta super bem o semi-deus e deixa um gosto de quero mais.

Nessa nova versão conhecemos uma história que vai além da lenda.

Hércules tem ao seu lado os guerreiros Tydeus, Autolycus, Atalanta e Amphiarus em quem confia de olhos fechados.

Ele e seu grupo são contratados pelo Rei Cotys para salvar o povo do seu reino que vem sendo subjugado por um inimigo cruel.

Para isso Hércules terá que treinar um exército inteiro para que derrote o inimigo em troca do dobro do seu peso em ouro.

Mas, ele perceberá que foi envolvido em uma trama muito maior do que poderia ter imaginado, e lutará novamente para que a justiça seja feita.

Um filme muito bem feito, com excelentes efeitos visuais, excelentes figurinos e cenários e que entretém a platéia. Recomendo!

E preste atenção na animação dos créditos finais, ela elucida muita coisa.

Título Original: Hercules
Gênero: Ação/Épico
Duração: 1 hora e 38 minutos
Ano de Lançamento: 2014
Direção: Brett Ratner
Elenco: Dwayne Johnson, Rufus Sewell, Aksel Hennie, Ingrid Bolso Berdal, Ian McShane, Joseph Fiennes, John Hurt, Irina Shay, Reece Ritchie.  

Nenhum comentário: